Caravana para o Desenvolvimento Empresarial contabiliza 7mil atendimentos

Compartilhar

Para Nunes, caravana é “estratégia de superação de crise”

 

O Portal Maranhão Negócios traz uma entrevista breve com o secretário de Estado de Governo, Antônio Nunes, coordenador  da “Caravana para o Desenvolvimento Empresarial”, que fala sobre a iniciativa e demonstra, em números, o êxito que tem sido o encontro com empresários de todo o Maranhão.

Até o momento, a ação já conta com 16 edições realizadas, a participação de 11 órgãos do estado e 3 parceiros (Sebrae, CDL e Banco do Brasil), já esteve em 86 municípios, com 48 serviços oferecidos, 3.090 pessoas presentes e quase 7 mil atendimentos realizados.

Durante as caravanas, são tiradas dúvidas da classe empresarial sobre os programas Maranhão Juros Zero, Mais Emprego e Compras Governamentais. “Na Caravana, o empresário tem a oportunidade de conhecer mais o mercado e resolver questões ligadas à empresa de forma facilitada e sem burocracia. Por esses e outros motivos, que a Caravana tem sido muito bem acolhida por onde passa e reconhecida como uma importante estratégia de superação de crise, nesse momento de  fragilidade econômica  que o país atravessa”, destaca o secretário.

PMN – As propostas da Caravana?

Atuar em conjunto com os empresários dos municípios no intuito de estimular o comércio local e promover o desenvolvimento da região, oferecendo serviços e capacitação técnica. Além de fortalecer o diálogo com a gestão e divulgar os programas de incentivo ao empresariado.

PMN –  Os  resultados esperados?

Os resultados são além do esperado. Os números falam por si: 16 edições realizadas, 11 órgãos do estado e 3 parceiros participando (Sebrae, CDL e Banco do Brasil), 86 municípios atendidos, 48 serviços oferecidos, 3.090 pessoas participaram das aberturas e 6.556 atendimentos realizados. Cabe ressaltar que o alcance da Caravana será ainda maior, pois ainda estamos na 16ª edição.

PMN – Como vem sendo a participação das prefeituras e recepção por parte dos empresários?

Todos têm sido muito receptivos. Há um diálogo aberto, direto e inédito que tem acontecido não apenas nas aberturas da Caravana, como também em outros momentos e em reuniões surgidas durante a permanência da equipe de Governo em cada localidade.

O serviço oferecido pelas secretarias tem melhorado consideravelmente, a partir das demandas apresentadas pelos empresários. Essa é uma iniciativa inédita no Maranhão que resulta não apenas na geração de demandas por parte do empresariado, que passa a ter acesso direto ao Governo, como na possível, solução dos pleitos por eles elencados. Além disso, somente agora o poder público conhece de perto as especificidades  produtivas de cada região,  os problemas enfrentados pela classe empresarial do interior, assim como o potencial econômico de diferentes locais do estado. Além de ir onde o povo está, trazemos mudanças e melhores condições para o empreendedorismo, possibilitando a geração de mais empregos, riquezas, rendas e dignidade aos maranhenses. Na Caravana, o empresário tem a oportunidade de conhecer mais o mercado e resolver questões ligadas a empresa de forma facilitada e sem burocracia. Por esses e outros motivos, que a Caravana tem sido muito bem acolhida por onde passa e reconhecida  como uma importante estratégia de superação de crise, nesse momento de  fragilidade econômica  que o país atravessa.

PMN – E as adesões aos programas Juros Zero e Mais Emprego?

No programa Maranhão Juros Zero temos mais de 400 operações formalizadas. E no programa Mais Empregos, efetivamente mais de 500 empregos gerados.

 

 

 

 

 

Deixe um comentário